Busca avançada

Tecnologia para salvar o Planeta Terra: Ainda é possível?

sexta-feira, 23 de abril de 2021 por Yasmin Coelho de Santana
Tecnologia para salvar o Planeta Terra: Ainda é possível?

O que você tem feito para salvar o Planeta Terra? Essa pergunta pode parecer um pouco estranha de início, afinal, não somos super-heróis, rs. Mas essa, é uma pergunta que tenho me feito frequentemente ao longo dos últimos anos.

A minha proposta para o texto de hoje é uma conversa, com algumas reflexões pessoais. Por isso, te convido desde já, a deixar o seu comentário no final do texto, com alguma reflexão que esse conteúdo possa ter gerado em você. Assim, poderemos continuar esse diálogo por ainda mais tempo 😊

Durante essa semana, entre o feriado de Tiradentes, foram comemoradas duas datas simbólicas, que normalmente não damos muita atenção: o Dia do Indígena e o Dia do Planeta Terra. Mas afinal, que ligação essas duas datas têm com a Tecnologia?

Ao meu ver: Tudo.

Homo Sapiens e o Planeta Terra

O Homo Sapiens e o Planeta Terra

Recentemente comecei a ler Sapiens, do historiador israelense Yuval Harari. No livro o autor nos conta, com base em evidências científicas, a longa história da humanidade. Ainda no início, ele fala sobre dois pontos que me marcaram muito.

O primeiro, sobre como os nossos mais antigos antepassados, que viveram há cerca de 50 ou 70 mil anos, possuíam um conhecimento individual enorme e múltiplo. Eles sabiam caçar e colher, sabiam que alimentos eram tóxicos ou não, sabiam construir lanças e objetos para auxiliar em suas tarefas diárias.

Como Yuval comenta, hoje em dia, nós possuímos coletivamente um conhecimento muito maior que nossos antepassados. Entretanto, individualmente, acabamos tendo um conhecimento muito mais específico e, de certa forma limitado, se comparado a eles.

O segundo, é sobre a forma como esses humanos, ou alguns dos povos que viveram nessa época, muito provavelmente, eram animistas. Animista é a visão de que entidades não humanas possuem uma essência espiritual.

Tal concepção, ao meu ver, pode ter contribuído para que nossos antepassados se sentissem parte da natureza, dentro do ciclo. E esse sentimento é fundamental para que a gente conviva em harmonia com a natureza.

Afinal, a gente só luta por algo quando se sente parte dele, não é mesmo?

 

Estamos fazendo tudo errado então?

É evidente que não. A Revolução Cognitiva nos possibilitou feitos incríveis, hoje nós somos capazes de transplantar órgãos e salvar vidas, somos capazes de construir tecnologias que devolvem a mobilidade e independência para pessoas que não podem andar, por exemplo.

Infelizmente, a maioria dessas tecnologias ainda não é acessível para todas as pessoas, mas aos poucos vamos mudando isso. Entretanto, a desconexão com a natureza, tem se mostrado cada vez mais latente. E a falta de olhar para a nossa casa, pode acabar custando muito caro.